Sobre o Dia de Repouso, o Dia de Sábado

Quase todo cristão sabe que há um dia para adorar a Deus e o cristianismo convencional ensina que este dia é domingo. No entanto, com mais de 850 diferentes denominações do cristianismo é inevitável ter opiniões variadas. Por isso, enquanto alguns dizem que o dia correto de culto é o domingo, há outros que acreditam que seja sábado; outros dizem que não há dia específico; outros ainda pensam que pode ser qualquer dia ou todo dia.

“Eu, a todo aquele que ouve as palavras da profecia deste livro, testifico: Se alguém lhes fizer qualquer acréscimo, Deus lhe acrescentará os flagelos escritos neste livro; e, se alguém tirar qualquer coisa das palavras do livro desta profecia, Deus tirará a sua parte da árvore da vida, da cidade santa e das coisas que se acham escritas neste livro.”

Apocalipse 22:18-19

A base para o cristianismo, independentemente da denominação, é a Bíblia. Deus adverte seus leitores e aqueles que o estudam, para não adicionar suas próprias opiniões ou pensamentos. A Bíblia é a palavra perfeita de Deus. Em outras palavras, qualquer um que professa uma fé cristã e acredita em Deus não deve acrescentar nenhuma palavra à Bíblia ou interpretar seu significado. No que se refere ao dia de culto, a Bíblia especifica o dia correto, apesar de séculos de tradições, religiões e denominações feitas pelo homem.

A Origem do Dia de Culto

O Dia de Sábado originou no livro de Gênesis no momento da criação.

“Assim, pois, foram acabados os céus e a terra e todo o seu exército. E, havendo Deus terminado no dia sétimo a sua obra, que fizera, descansou nesse dia de toda a sua obra que tinha feito. E abençoou Deus o dia sétimo e o santificou; porque nele descansou de toda a obra que, como Criador, fizera.”

Gênesis 2:1-3

De acordo com Gênesis, Deus trabalhou por seis dias. Mas foi apenas o último dia, o sétimo dia, que Deus escolheu como o Dia de Repouso, para abençoar e santificar. Esta é a origem do Dia de Sábado, o dia de culto.

O Dia de Sábado nos Dez Mandamentos

Para esclarecer isso, Deus incluiu o sétimo dia nos Dez Mandamentos e nomeou o Dia de Sábado.

“Lembra-te do dia de sábado, para o santificar. Seis dias trabalharás e farás toda a tua obra. Mas o sétimo dia é o sábado do Senhor, teu Deus; não farás nenhum trabalho, […]“

Êxodo 20:8-10

Deus deu a Moisés os Dez Mandamentos no monte Sinai. Um deles, o quarto mandamento, exigia a observância do Dia de Sábado, guardando-o sagradamente. Isso significa fazer algo diferente do que o resto dos seis dias da semana. Isto é, adorar a Deus. A maioria dos cristãos tenta guardar os Dez Mandamentos. Eles sabem que os Dez Mandamentos não são apenas regulamentos para os israelitas, mas também para todos os seguidores e crentes de Deus de hoje em dia. Então, por que existem opiniões diferentes sobre dia de culto? Que dia é o Dia de Sábado?

O Sábado é o Dia de Repouso

Nos calendários, o sétimo dia da semana é o sábado. sa • ba • do | Substantivo masculino: O sétimo dia da semana, começada no domingo - Novo dicionário Aurélio
Nos calendários, o sétimo dia da semana é o sábado. sa • ba • do | Substantivo masculino: O sétimo dia da semana, começada no domingo – Novo dicionário Aurélio

No Dia de Sábado, Deus abençoou seu povo e os santificou. Entender isso é importante para adorar a Deus corretamente. De fato, observando o Dia de Sábado, recebemos um sinal de Deus e nos tornamos o povo escolhido de Deus.

“[…] Certamente, guardareis os meus sábados; pois é sinal entre mim e vós nas vossas gerações; para que saibais que eu sou o Senhor, que vos santifica.“

Êxodo 31:13

No entanto, o cristianismo carece de consenso sobre o dia correto de culto. Embora a maioria ensine o Dia de Repouso ou o dia de culto seja domingo, na verdade é sábado.

Até Bíblia mostra que o Dia de Repouso é o sábado, não o domingo.

“Passado o sábado, Maria Madalena, Maria, mãe de Tiago, e Salomé, compraram aromas para irem embalsamá-lo. E, muito cedo, no primeiro dia da semana, ao despontar do sol, foram ao túmulo. Havendo ele ressuscitado de manhã cedo no primeiro dia da semana, […]”

Marcos 16:1-2, 9

“Jesus ressuscitou no domingo bem cedo e apareceu primeiro a Maria Madalena, […]”

Marcos 16:9 (NTLH)

Jesus ressuscitou no primeiro dia da semana, domingo, e o dia de Sábado era o dia anterior. Em outras palavras, o Dia de Repouso é o sábado.

Cristo Guardou o Dia de Sábado

Dois mil anos atrás, tudo que Jesus Cristo fez durante o seu ministério não foi para seu próprio benefício, mas para mostrar ao povo como ser seus seguidores, como ser cristãos.

“Porque eu vos dei o exemplo, para que, como eu vos fiz, façais vós também.”

João 13:15

E Jesus guardou o Dia de Sábado para que também pudéssemos aprender como guardar o Dia de Sábado.

“Indo para Nazaré, onde fora criado, entrou, num sábado, na sinagoga, segundo o seu costume, e levantou-se para ler. Então, lhe deram o livro do profeta Isaías, e, abrindo o livro, achou o lugar onde estava escrito: […]”

Lucas 4:16-17

A Igreja Primitiva Guardou o Dia de Sábado

Seguindo o exemplo de Jesus, os discípulos guardaram o Dia de Sábado, mesmo depois da ascensão de Jesus. Apóstolo Paulo se tornou um cristão cerca de trinta anos após a crucificação de Cristo, ele também ensinou a guardar o Dia de Sábado.

“Paulo, segundo o seu costume, foi procurá-los e, por três sábados, arrazoou com eles acerca das Escrituras,”

Atos 17:2

“E todos os sábados discorria na sinagoga, […]”

Atos 18:4

O apóstolo Paulo é conhecido como o apóstolo dos apóstolos por seu fervor e ousadia na pregação do evangelho de Cristo. Ele é perseguido até o ponto da morte de sua vida cristã. Ele seguiu o mesmo costume de Cristo – Ele guardou o Dia de Sábado.

O Dia de Sábado Mudou para o Domingo

Embora a Bíblia registre que Cristo e os discípulos guardaram o Dia de Repouso no sábado, hoje em dia, as pessoas associam o dia de culto ao domingo.

Depois da ascensão de Jesus, a Igreja continuou a crescer, espalhando-se até nas regiões ocidentais, incluindo Roma. Lá, a Igreja tornou-se secularizada e adotou costumes e ensinamentos pagãos. E imperador de Roma, Constantino, que também era um sumo sacerdote na religião pagã, decretou o domingo como o dia legal de adoração no ano 321 d.C. e tornou o culto do Sábado ilegal.

 “Quando Constantino declarou o domingo, o primeiro dia da semana como um feriado em 321 d.C., ele chamou esse dia de ‘o venerável dia do sol (Domingo)’.”

The History of Christianity (A História do Cristianismo), Tim Dowley – Editora Lion

A partir desse momento, o culto dominical tornou-se uma prática comum nas igrejas. E este tradição ainda é vista até hoje. Mas, a Igreja de Deus Sociedade Missionária Mundial baseia seu ensinamento somente na Bíblia e guarda o dia de adoração original, o Dia de Repouso, no Sábado.

A Igreja de Deus Deve Sempre Guardar o Dia de Sábado

O Dia de Sábado é o memorial do poder da criação de Deus. A Bíblia explica que todos aqueles que amam e adoram a Deus devem sempre guardar o Dia de Sábado.

“Aos estrangeiros que se chegam ao Senhor, para o servirem e para amarem o nome do Senhor, sendo deste modo servos seus, sim, todos os que guardam o sábado, não o profanando, e abraçam a minha aliança, também os levarei ao meu santo monte e os alegrarei na minha Casa de Oração; os seus holocaustos e os seus sacrifícios serão aceitos no meu altar, porque a minha casa será chamada Casa de Oração para todos os povos.”

Isaías 56:6-7

Existem muitas profecias na Bíblia, mas nenhuma diz que o dia de culto mudaria. De fato, a Bíblia testifica que mesmo não sendo israelitas viriam a Deus no Dia de Sábado. Estamos vendo o cumprimento disso na Igreja de Deus Sociedade Missionária Mundial, com milhões de pessoas em todo o mundo, independentemente da nacionalidade, guardando o dia de Sábado e recebendo a bênção de Deus.